top of page

A PRÁTICA DO FUTSAL: POSSIBILIDADES PARA O AMBIENTE ESCOLAR

Leandro Carvalho Santos
Lúcio Marques Vieira Souza
Adelmax Pedral Cruz

ISBN: 978-65-5889-032-4
DOI: 10.46898/rfb.9786558890324

Presentación

Diante dos crescentes trabalhos que discutem sobre o Futsal na escola e suas propostas didáticas-metodológicas do aprender, este estudo tende a descrever sobre as distintas metodologias, fundamentos e aprendizagem baseada na aprendizagem do Esporte em uma vertente social escolar, apontando a conduta para uma disseminação do aprender, baseado nos aspectos; cognitivo, motor e sociológico, deixando claro aqui que a proposta não é de formar alunos/atletas movidos pela história da Educação Física militante através do conteúdo do Esporte e do Futsal. Portanto, o presente trabalho tem como objetivo geral discutir as relações sociais e didáticos metodológicas de ensino do Futsal nas aulas de Educação Física, buscando assim compor os ideários de uma “nova” Educação Física, baseada no pensamento sociológico. Tem como objetivos específicos. Descrever o contexto social do Futsal na escola; compreender a importância dos métodos de ensino do Futsal na Educação Física escolar; conhecer a importância da Didática para o ensino do Futsal na prática pedagógica da Educação Física. Apresentando um Futsal totalmente pluralista, já que até os tempos atuais reside o pensamento de reprodução de movimento e treinamento especializado. No primeiro capítulo apresenta-se as relevâncias da importância que o Futsal pode representar nas aulas para os alunos, vestindo-se de variedades nos aspectos sociais do jogo, propondo a disseminação do pensar e atingir as perspectivas sociológicas para que os alunos tenham condições de criar situações de resoluções através das condutas esportivas, agora ou no futuro, preparados a tomarem decisões individualmente ou coletivas, criando sua própria autonomia e criticidade. O capítulo dois traças as metodologias de ensino do jogo Futsal como caminho a reestruturação quanto o que se diz a conduta de aula. Através delas possibilitará a construção de novas oportunidades de ensino na escola, tornando o professor responsável por certas lapidações na criança, acabando com o pensamento de que Educação Física é um momento de recreação. O terceiro capítulo trata da didática e da pedagogia crítica de ensino do Esporte escolar, que é tornar transparente uma realidade de movimento que é fixada pelas regras e normas que não estão na consciência dos professores e muito menos dos alunos nas aulas de Educação Física, qual sua verdadeira identidade. A pesquisa é de caráter bibliográfico que teve o Futsal a ser discutido na forma de ressignificação em seu caráter na escola, cotejando-se de obras em aspectos relevantes e lapidando as informações de relevância, percebendo as fragilidades a fim de melhorar e reforçar novas concepções.

Os autores

Fecha de publicación:

19 de fevereiro de 2021 16:46:57

Gostou? Comente!
Įvertinta 0 iš 5 žvaigždučių.
Kol kas nėra įvertinimų

Agrega una calificación
Pasidalykite mintimisPakomentuokite pirmi.
bottom of page